Eventos

PREVISÃO DE DEFESAS DE DISSERTAÇÃO DE MESTRADO

 

DEFESA DE DISSERTAÇÃO DE MESTRADO

 

O Programa de Pós-graduação/Mestrado em Engenharia Elétrica e Computação da UNIOESTE-Foz, convida a comunidade acadêmica para a sessão pública da seguinte defesa de dissertação de mestrado:

 

Título da dissertação: Índices de coordenação para avaliação dos impactos da inserção de geração distribuída nos esquemas de proteção de sistemas de distribuição radiais e malhados, utilizando relés de sobrecorrente direcionais de tempo inverso.

Professor orientador: Edgar Manuel Carreño Franco

Aluno: Marcos Gabriel Tragueta

Data e horário: 05 de maio de 2017, às 10h00.

Local: Parque Tecnológico Itaipu (Sala de seminários - Bloco 5, Espaço 2, Sala 10)

 

Resumo: A inserção de fontes de energia distribuídas de baixa potência apresenta novos retos no planejamento e operação de sistemas de distribuição. Um reto é a coordenação do sistema de proteção que se altera a medida que a inserção de Geração Distribuída (GD) cresce em qualquer ponto de qualquer sistema. Para verificar como a coordenação é alterada, tem sido proposto, na literatura, diferentes indicadores que visam expressar numericamente qual é o efeito desta inserção nos pares de relés de um sistema de proteção coordenado. O Protection Coordination Index (PCI) e o Protection Miscoordination Index (PMI), se mostram como indicativos válidos para esta análise. O objetivo deste trabalho é aplicar estes quantificadores nos esquemas de proteção de linhas de distribuição de sistemas radiais e malhados que utilizem Relés de Sobrecorrente Direcionais de Tempo Inverso. Pela aplicação destes indicadores será possível julgar se estes oferecerão informações suficientes para a análise do impacto da inserção de GD nos SDEE, caso contrário, identificar se aparecerão limitações que poderão ser sanadas pela proposição de novos indicadores. Para alcançar este objetivo, geradores distribuídos serão conectados em diferentes pontos da rede, e sua capacidade de geração será alterada de forma crescente; onde para cada valor de inserção e em cada ponto do sistema, serão verificados os Intervalos de Tempo de Coordenação (ITC) entre pares, de relés consecutivos, e a partir destes valores, os indicadores quantitativos do impacto da inserção de GD serão calculados. Para isso, foi modelado um sistema de distribuição malhado, visando a obtenção das grandezas requeridas no dimensionamento dos TC’s e relés, obtendo assim uma operação coordenada seletiva, onde para cada relé primário haverá pelo menos um de retaguarda, formando pares protetores. Em seguida dois sistemas de proteção foram ajustados: um considerando relés unidirecionais e outro, relés bidirecionais. Finalmente, para os sistemas de proteção dimensionados e coordenados, os índices encontrados na literatura e os índices propostos foram calculados e comparados para um mesmo par de relés, considerando um mesmo valor de inserção de GD em diferentes pontos do sistema. Todos os indicadores se mostraram válidos para a quantificação do impacto da inserção de GD nos esquemas de proteção aplicados a SDEE, onde IDP indica a porcentagem de faltas que irá ocasionar descoordenação, IDPP indica a porcentagem de pares de relés que irá se descoordenar para cada falta, ICP mostra se a variação de ITC ocorrerá de forma lenta ou rápida, onde a variação mais veloz resultará antes em descoordenação em relação à mais lenta e ITC (%) impõe uma restrição à redução de ITC indicando se o valor de inserção irá descoordenar os pares de relés analisados, através de valores numéricos.

 

Para informações adicionais:

Telefone: +55 (45) 3576 8296.