Eventos

 

Maio - 2017

 

                    CONVITE

AULA INAUGURAL DO 1o SEMESTRE LETIVO DE 2017

Capitalismo e Saúde - O CEBES e a Reforma Sanitária no Brasil
 
Aula Inaugural do Mestrado em Saúde Pública em Região de Fronteira (Unioeste) e do Curso de Saúde Coletiva (Unila)
 
Debatedores e Temas:
 
1 – Prof. Dr. Rogério Miranda Gomes (UFPR) Capitalismo e Saúde. 
 
2 – Profa. Dra. Maria Lúcia Frizon Rizzotto (UNIOESTE) O CEBES e a Reforma Sanitária no Brasil. 
 
Data: 23 de março de 2017 
Horário: 14hs00 às 17hs00 
Local: Anfiteatro Alcibíades Luiz Orlando Campus da UNIOESTE – Foz do Iguaçu – PR
 

Maio - 2016

 

Participem:

 

 

Outubro - 2015

 

COSEMS/PR e Programa de Pós-Graduação em Saúde Pública em Região de Fronteira

Oficina de Integração Ensino e Serviço: Do planejamento à prestação de contas
 

O Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Paraná (COSEMS-PR) e o Programa de Pós-Graduação em Saúde Pública em Região de Fronteira convidam;

Professores/pesquisadores, discentes dos Programas Stricto Sensu para a Oficina de Integração Ensino e Serviço do Planejamento e Prestação de Contas em Saúde Pública.

 

Inscrições:https://docs.google.com/forms/d/10gMypRuZynO2BUZcc3D3dJSQIHsVfwGYOcCcz-DV5w4/viewform Acesse: https://goo.gl/SYRhyU

 

Data: 22 e 23 de outubro de 2015.

Local: Unioeste Campus de Foz do Iguaçu-PR.

As Inscrições foram prorrogadas até o dia 16/10/2015

 

O Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Paraná (COSEMS-PR) criado em 1998, tem por finalidade lutar pelo fortalecimento e autonomia dos municípios na área da saúde. Para isso o gestor municipal deve ter noção sobre os instrumentos de planejamento e orçamento no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS) (COSEMS, 2014). Segundo Artmann (2000) o planejamento é uma oportunidade do uso de suas liberdades individuais ou coletivas. No SUS este processo é de responsabilidade da pessoa pública, de forma continua e articulada entre as três esferas de governo de acordo com as especificidades de cada território e necessidades de uma população. O planejamento regional deve ser realizado com base nas necessidades de saúde expressas nos Planos Municipais de Saúde. Os instrumentos para o planejamento e gestão no âmbito do SUS se interligam sequencialmente compondo um processo cíclico de planejamento e gestão para operacionalização integrada, solidária e sistêmica do SUS (BRASIL, 2013). Desta forma o plano de saúde deve respeitar o plano fiscal de cada município. O evento tem como objetivo propiciar discussões que viabilizem a melhoria na qualidade do SUS, nas condições de saúde da população com uso eficiente dos recursos públicos da área da saúde, será realizado na modalidade de oficina por meio da utilização de metodologias ativas as quais priorizam a aprendizagem significativa e problematizadora (FREIRE, 2003). A atividade é uma parceria entre o COSEMS-PR e o Programa de Pós Graduação em Saúde Pública em Região de Fronteira, de modo que as discussões sobre a Saúde Pública visam a troca de experiência e aprendizado entre Gestores Municipais, Professores e Mestrandos. Espera-se que as discussões do evento possam emergir estratégias que contribuam com o planejamento e gestão do financiamento na Saúde.