Histórico

A área de Geografia no Campus de Marechal Cândido Rondon recebeu atenção maior a partir da implantação do curso de graduação no ano de 1997, cuja aula inaugural foi proferida pelo Prof. Dr. Milton Santos. Na oportunidade o professor elogiou a instituição pela iniciativa e atenção à área de Geografia com a criação do curso de graduação numa região de grande potencial de desenvolvimento.
Até 1998 a Geografia estava vinculada ao Departamento de História e Geografia, quando foi desmembrado. Antes do desmembramento do antigo Departamento, foram organizados vários Simpósios Interdisciplinares de História e Geografia, com participação de conferencistas externos como o Prof. Dr. Luis Felipe Ribeiro - UFF; Prof. Dr. Peter Loyd Scherlock (London Economic Scholl); Prof. Dr. Ruy Moreira - UFF; dentre outros. Após o desmembramento do departamento, foram organizados diversos eventos específicos, dentre os quais se destacam as Semanas de Geografia da UNIOESTE, denominadas também de Expedição Geográfica, realizadas a cada dois anos e que se encontra na sua IX edição. Os eventos são organizados pelo curso de Geografia em conjunto com a Associação dos Geógrafos Brasileiros - seção local de Marechal Cândido Rondon e conta, em média, com 150 participantes.
Relevante também foi o Encontro Paranaense de Estudantes de Geografia (EPEG) realizado no Campus da UNIOESTE de Marechal Cândido Rondon nos anos de 2000 e 2008. Realizado anualmente desde 1995 e organizado pela Executiva Estadual dos Estudantes de Geografia (EEEGEO), este evento tem caráter itinerante pelas universidades do Estado do Paraná. O EPEG é um evento que propõe a interação entre os estudantes de Geografia e áreas afins, a discussão sobre a produção científica no âmbito da ciência geográfica e a mobilização e posicionamentos dos estudantes diante de questões de seu interesse. O V EPEG realizado em 2000 teve como tema central "Água: o Petróleo do III Milênio". O XIII EPEG foi realizado em 2008 e teve como temática "Fronteiras: territórios em Conflitos". O evento contou com a participação de palestrantes importantes da Geografia brasileira e teve aproximadamente 400 participantes nas seguintes atividades: palestras, mesa-redonda, mini-cursos, apresentação e debate de documentários, comunicações coordenadas e trabalho de campo. O XIII EPEG objetivou estimular o debate sobre a produção do espaço geográfico a partir dos conflitos sociais que demarcam os territórios dos múltiplos grupos e classes. Estes conflitos são expressão do processo geral que se realiza no espaço de fronteira.
Em 2004/2005 foi ofertado um curso de pós-graduação em Geografia Lato Sensu denominado de "Análise Ambiental e Regional em Geografia", com uma carga horária de 360 horas. Este curso de especialização, organizado pelos docentes do colegiado do curso de Geografia de Mal. Cândido Rondon, teve como público alvo professores da rede pública estadual. Mais recentemente, em 2009/2010, outro curso Latu Sensu teve início, na área de "Análise Ambiental em Geografia"; uma iniciativa dos docentes do GEA que buscam incentivar e aprimorar estudos voltados para a temática ambiental no Oeste do estado.
Outro evento relevante para a história do Curso de Geografia foi a realização da VII Jornada sobre o Trabalho, entre os dias 30/11 e 02/12/2006, cujo tema debatido foi "Atualidade do trabalho e da classe trabalhadora no Brasil. Mais do que resistir, Agir!". A comissão organizadora foi composta pelo GEOLUTAS (Laboratório de Geografia das Lutas no Campo e na Cidade), CEGET (Centro de Estudos de Geografia do Trabalho - Unesp/PP) e pela AGB-Seção de Marechal Cândido Rondon e contou com apoio do Colegiado do Curso de Geografia de Marechal Cândido Rondon.
Foi realizado também o IV Simpósio Paranaense de Pós-Graduação em Geografia "SIMPGEO - Entre o Pensar e o Fazer em Geografia" no período de 18 a 20/06/2009 com aproximadamente 200 participantes entre professores e pós-graduandos dos diversos programas do Estado do Paraná. A organização do Evento esteve sob responsabilidade do curso de geografia do campus de Marechal Cândido Rondon.
Os Grupos de Pesquisa a que os professores do Curso de Geografia/Campus de Marechal Cândido Rondon estão vinculados expressam a qualidade das atividades que estão sendo desenvolvidas, sobretudo de pesquisa. Os grupos estão cadastrados na Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da UNIOESTE e no Diretório de Grupos do CNPq. Muitos desses grupos também possuem seus respectivos laboratórios, com equipamentos e instalações físicas próprias.
Neste contexto de expansão da geografia no campus de M.C. Rondon, foi implantado a partir de 2011 o curso de Pós-graduação em Geografia (mestrado). O curso é formado por 08 docentes, todos da Unioeste responsáveis pelas disciplinas, orientações e demais atividades da Pós-graduação.